folhas de outono

folhas de outono

domingo, 29 de setembro de 2013

É SETEMBRO !

Estamos vivendo os últimos dias de setembro.Como o tempo passa rápido né ?
Fico as vezes me questionando ,se sempre correu com essa velocidade !
Mas paro e penso;vejo que para algumas questões da vida,
ele não é tão generoso assim e parece lento...

Quando queremos  muito esquecer uma perda ,a dor é tão intensa 
que os dias se tornam meses,os minutos viram horas e assim por diante.
Em contra partida ,quando estamos ao lado de alguém especial;de
quem gostamos e nos faz sentir bem,ele voa...rsrsrsrs

No análise dos dois tempos ,trago uma poesia linda ,meia melancólica,
mas o meu amigo professor um dia me disse .
"...QUE O TRISTE NA POESIA SE TORNA BELO ..."
POEMA

LEMBREI-ME DE VOCÊ !

Você se foi !
mas deixou um pouco
do seu jeito de ser
quando me olhava 
seu sorriso marcado 
naquela foto
sua letra naquele cartão
seu rosto no rosto dos amigos

O que ficou em mim ?
fiquei com o seu jeito
 de falar primeiro
fiquei com o seu último adeus
com todas as recordações 
dos momentos felizes

De mim você levou!
só um pedacinho
que apesar do tempo
sei que não
foi substituído

O que desejo ?
que você 
se encontre
e viva feliz...




53 comentários:

Elvira Carvalho disse...

Um belo poema para combinar com a autora.
O tempo passamuito lentamente quando somos jovens, rápido quando caminhamos para a velhice, e quando chegamos perto do fim volta a passar muito devagar.
Um abraço e uma boa semana

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Querida, amiga. Eu também me questiono assim. Quando estamos com quem gostamos, o tempo parece que voa.. e quabndo estamos sós, parece que ele se arrasta. O poema é lindooooo. Beijos, amiga.

Olhos de mel disse...

Amiga querida; setembro passou voando e eu também gosto muito desse mês, porque marca o início da primavera, das flores que encantam.
Um poema melancólico, mas de uma beleza ímpar!
Uma tristeza na linguagem poética, se torna intensamente bela, rica em sentimentos e profunda.
Adorei!
Amiga, estou envolvida com a edição do Amor silente, mas qualquer dia desse vou postar no blog.
Bom domingo! e uma semana cheia de amor, paz e alegrias! Beijos

Daniel Costa disse...

Amiga Severa

Tudo parece muito tranquilo, do modo como construíste todo o envolvimento, todo o panorama que se nos apresenta. Até a construção do próprio poema parece ter um fundo de realidade. Ele fica a parecer muito bem enquadrado
no todo, deste adeus a Setembro.
Beijos

José María Souza Costa disse...

Admirável, Severa Cabral.

O tempo, é um condutor para a Alma. É o tempo que rabisca a filosofia de Vida, e esta, segue na direção dos instantes vividos. O amor, é o seguimento de prazer, assim, como somos a tradução, do que escrevemos. As digitais, do teu pensamento, não é a tua escrita. Mas, o pensamento do outro. Saudade, é mais que uma linha de ligação. É uma saudade. A vida, tem que seguir...,...,..
Aproveito, para lhe desejar, um dia de domingo Maravilhoso. Belo. Agradável. Com sorrisos. Abraços.

Patricia Galis disse...

Fotos maravilhosas e um poema emocionante!!!

Patrícia Pinna disse...

Boa tarde, amiga. Penso exatamente como você.
Acredito que o tempo anda passando rápido demais, como se os dias na Terra estivessem perto do fim e fôssemos todos para uma outra dimensão.
Antes, não era assim de modo algum.
Quando a vida nos traz momentos ruins, esses parecem nunca findar, mas quando algo é muito bom, passa como na velocidade da luz.
Temos de aproveitar a brevidade dos instantes.
Amei o poema, cada um leva consigo características da outra pessoa quando a mesma toma rumo diferente ao nosso.
São marcas agradáveis, outras são vícios ruins, mas temos a capacidade de filtrar e ficar apenas com o melhor.
Assim como nas estações do ano, cada uma tem o seu encanto, enquanto a vivemos, somos parte dela, depois damos espaço para a que chega e a que foi embora deixa leve saudade.
Beijos na alma e lindo domingo.

edumanes disse...

Com as flores na primavera
Encontrei Severa Cabral
Com uma flor na mão tão bela
Linda flor, de vestido brial.

Severa Cabral, escreveu assim
Você se foi, mas deixou um pouco
Não fui não, estou no meu jardim
Esperando você, pode vir não estou louco

Estou sim sem jeito desesperado
A sua chegada aguardo ansiosamente
Você tão longe de mim, não consigo ficar sossegado
Não te demores vem a correr, perto de você vivo contente!

Amizade verdadeira não é uma aposta!
Com saudades nunca se esquecem
Viver afastado de que se gosta
São coisas que acontecessem!

Resto de bom domingo para você.
(Amiga Maruja), um beijo
Eduardo.

Sinval Santos da Silveira disse...

Bom dia!
Severa Cabral ,teu trabalho tem toda minha admiração.
Abraços
sinval

Orvalho do Céu disse...

Olá, querida Severa
Ficou a essência do encontro e isso traz um perfume eterno ao coração...
Bjm de paz e bem

✿ chica disse...

Severa, que linda poesia e realmente o tempo ora voa, ora parece não passar.Depende do nosso sentir. Lindas fotos! beijos praianos,chica

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Olá Severa,os dias passam e a saudade fica de alguém que amamos tanto.
A poesia triste,se abre dentro de um coração,como uma pétala de rosa,bem devagar,tornando-se uma linda flor.Assim é a alma de um poeta,mesmo triste consegue passar a riqueza do seu poetar.
Linda poesia.

bjs amiga
Carmen Lúcia-mamymlu.blogspot.com

Dorli disse...

O Severa
O tempo voa como uma ave e você é uma ave que deixa um rastro florido e cheio de amor.
Beijos
Lua Singular

Samuel Balbinot disse...

Boa tarde Severa.. tudo passa, as boas lembranças tb e com elas recordações que sempre vão viver em nós.. como é gostoso sempre ter alguém para lembrar e ser lembrado tb.. lindo dia abração amiga

Ana Bailune disse...

É verdade, Severa... o tempo voa. Ontem mesmo era o comecinho de setembro, e agora, já é quase o último dia. Mas olha, você está chique nesse vestido colorido! Adorei a gola de crochê. Lindo trabalho. E também adorei o poema. Bom domingo!

Fernanda Oliveira disse...

Minha querida amiga que post maravilhoso...
A primeira frase eu amei tanto que até postei no face,rsrsrs
Nossa é muito verdadeira!

E o poema está lindo!!!
E você está toda iluminada nas fotos, esse amarelo ficou lindo em você.

Agora vou indo amiga, beijos em seu coração! Te amuuu

Fernanda Oliveira

Profª Lourdes disse...

Olá querida Severa, obrigada pela visita que adoro. Volte sempre aquele cantinhos é nosso!!
Lindo poema, parabéns!!!
Deixo também este pensamento do _Arnalda Rabelo, com palavras que devemos refletir.
Palavras são sementes
Lançadas no entremeio
dos ventos , com destino
a um solo fecundo
Frutificando
no espaço do tempo
Frutos doces Amargos...
Da doçura
que vem de dentro.
(Arnalda Rabelo)
Abraços, fica na paz de Deus.

Célia Rangel disse...

As marcas do tempo em nossa vida são eternas: boas ou menos boas, existem e em seu belo poema, Severa, vê-se romanticamente as cicatrizes das mesmas.
[ ] Célia.

*** ZIZI *** PARA OS AMIGOS!!! ### disse...

Minha madrinha querida postagem exuberante como sempre! Eu me orgulho tanto de vc minha querida!
O poema é triste realmente, mas vindo de vc se torna um primor de sensibilidade. Sempre deixamos algo em alguém.
Quando tiver um tempinho dá uma olhada na página que criei no meu blog para vc desde o dia que me adotou como sua afilhada!
Beijinhos com gosto de flores meu anjo bom...

lis disse...

Saudade Severa
Estive ausente e na volta nao encontrei atualizações suas ou me perdi por aí... rs
mas nao a esqueci kirida e cá estou para abraça-la e apreciar suas belas fotografias e seus poemas encantadores.
Parabéns e desejo uma semana muito feliz.

ॐ Shirley ॐ disse...

Que bom que você voltou, estava meio sumidinha, Severa...Um beijo!

Ghost e Bindi disse...

Oi Severa, que bom vê-la de volta e bem depois da cirurgia. Um grande abraço e muita saúde pra você! Que o tempo te traga muitas descobertas boas.

Bíndi e Ghost

Felisberto Junior disse...

Olá!Boa noite
Severa, moça bela...
Belo poema, como dito, "...que o triste na poesia se torna belo ..."
...nosso tempo vai depender de como estamos nos sentindo, e distrações prazerosas realmente fazem o tempo voar,bem quando precisemos lidar com algo que nos tenha perturbado , provavelmente será mais longo, porque fará com que fiquemos remoendo lembranças e reavaliando nossas atitudes, o importante é sabermos que a vida é o próprio tempo e o que estamos fazendo com ela...
Agradeço pelo carinho
Belo início de semana
Beijos

SIMONE PRADO disse...

....é sim querida amiga....saudades de momentos que se foram, que marcaram....de quem um dia foi presente e hj tão ausente....mas...a vida continua e vou esperando que um dia haja reencontro de pessoas caras que fizeram parte da minha história...tá tudo muito lindo aqui...perfeito eu diria minha FLOR de primavera. bjim....amei sua visita.

Vera Lúcia disse...

Olá Severa,

Grande verdade nestas suas palavras. De fato, o tempo é lento ou rápido conforme desfilam nossos sentimentos.

Belo poema. Poemas melancólicos costumam tocar mais na alma do leitor. As fotos estão lindas.

Excelente semana.

Beijo.

Lucinha disse...

Severa,

O tempo está passando muito rápido mesmo. Por isso, eu tento viver intensamente, cada momento, de uma forma tranquila, como se o tempo pudesse parar.
Quando alguém vai embora, sempre leva um pedacinho de nós.
Uma linda semana! Beijos

João Maria Ludugero disse...

Querida amiga Severa Cabral,
Bom dia!!!!
Minha querida, eu estive internado por mais de 3 meses na UTI do Hospital Santa Luzia em Brasília-DF, com um sério problema no Duodeno. Fiz três cirurgias e tive alta em abril. Agora estou melhor, trabalhando depois de meses afastado, Graças a Deus, venci e estou na lura. Obrigado, pelo carinho, nunca esqueci de vc. Forte abraço. Poeta João Ludugero, seu amigo.

Rô... disse...

oi minha querida,

estou numa fase,
que a vida parece voar...
passa tudo tão rápido que chego a pensar que não vou conseguir acompanhar...
estava com saudades dos seus poemas lindos e de suas fotos inspiradoras...
que bom que voltou...

obrigada pelo carinho com a minha princesa!!!

beijinhos

Elisa T. Campos disse...

Querida mamis do coração

Vir aqui logo de manhã e encontrar esta energia toda com estas lindas palavras em versos nos faz sentir que a vida vale a pena e nunca temer o amanhã.

Uma maravilhoasa semana para você.
Beijos.

Andrea Colucci disse...

Lindas fotos.
Olá vim de fazer uma visita, espero vc no meu cantinho bjs.

http://drea-amigos.blogspot.com.br/

Bandys disse...

Severa,

Setembro pé o mês de perfumar a alma e ler coisas belas como vc disse.

Como sempre bela também

beijos

MARILENE disse...

Severa, as fotos estão lindas. O amarelo dá um grande realce, cor de primavera.
Ao cumprimentar uma amiga blogueira, pelo aniversário, ontem, pensei no tempo, pois me pareceu havê-lo feito outro dia mesmo, e já se foi um ano.
Quem se vai deixa lembranças e um pouquinho de si, que guardamos. Bjs.

Olhos de mel disse...

Amiga querida; poemas nostálgicos trazem algo misteriso, mágico, que fazem com eles sejam sonhadores e maravilhosos!
Amei as fotos! Boa semana! Beijos

Existe Sempre Um Lugar disse...

Boa noite,
O amor não vai nem volta, fica permanentemente.
Lindo, amoroso poema.

ag

Claudete disse...

Belíssimo poema Severa, bem colocadas as emoções como catalizadoras do tempo...o poeta é atemporal por isso o versejar se adequa ao seu sentir,você o faz muito bem! Boa semana.

Ivone disse...

Minha linda amiga Severa, o tempo passa sempre do mesmo jeito, no seu tempo, mas as nossas ansiedades muitas vezes nos faz querer que ele passe rápido ou devagar!
A poesia é mesmo uma linda válvula de escape, nela podemos ser o que quisermos, belos são seus poemas minha amiga, aqui deixo um abraço bem apertado e aproveito para agradecer o seu carinho lá no meu espaço!

Zilani Célia disse...

OI SEVERA!
TAMBÉM ACHO QUE O BELO PODE ESTAR NO MELANCÓLICO, POIS O QUE É ALEGRE POR SI SÓ JÁ O É...
LINDOS VERSOS AMIGA.
É ASSIM MESMO, CADA PESSOA IMPORTANTE QUE PASSA POR NOSSAS VIDAS DEIXA UM POUCO DE SI E LEVA UM TANTO DE NÓS.
BOM TE VER NO "SÓ PRA DIZER".
ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

❤ Cute Soy ★ disse...

Você costura? O vestido combinou muito bem com você. Que passeio gostoso, eu absolutamente amo hotéis.

Cidinha disse...

Bom dia amiga Querida! O tempo nos refletir... como voa e a sensação é que vamos ficando para trás. Setembro já se foi! O poema é lindo. Verdadeiro! Bjossssssssssssssssssssssss! Flores para vc, linda flor. Obrigada pelo carinho!!

Eloah disse...

Lindo teus versos.A delicadeza das palavras deram um tom de melancolia não de tristeza.Vida é movimento. As lembranças persistem mas a vida continua.Você, linda como sempre! Bjs Eloah

Mary disse...

Oi Bela Severa!

Setembro se foi,mas tudo de bom que ele nos proporcionou ficará guardado na nossa lembrança, é bem verdade que minutos se tornam horas em algumas situações...é horas se tornam minutos quando estamos vivendo uma linda historia de amor rs.

Bjo minha linda!

Julia disse...

Muchas felicidades por tu bloc

Julia
Elracodeldetall.blogspot.com

✿ chica disse...

Severa querida! Eu estou aqui no meu "escritório" vendo o sol que já nos espera lá na praia... Agradeço as horas lindas que passamos ontem com tua familia, Lucia, foi muiiiiiiiiito legal!Adoramos, kiko também gostou muito!!! beijos e hoje lá no canteiros vai entras o nosso encontro!!

Quando entrar te mando o link!! beijos,chica e lindo dia!!!

Ritinha disse...

Uau!!!
Um poema, uma mulher contente e sorridente.
Bom demais e uma parceria gostosa de se ver.
bjs
Ritinha

Existe Sempre Um Lugar disse...

Olá,
Suas visitas ao meu blog valoriza o mesmo, obrigado.

ag

Josye Duran disse...

Olá Severa!
Conheci seu blog através da querida Chica!
É verdade, como o tempo passa depressa quando estamos felizes, porém quando passamos por dificuldades, parece que o tempo para!
Linda a poesia que escreveu!
Bjss
totalmentecorderosa.com.br

Marli Terezinha Andrucho Boldori disse...

Olá amiga Severa, quanta saudades de você. Lindíssima música de fundo, ah!!!!!!!!!!!!! O amor. Sua escrita é muito meiga e apaixonante....quem vai dizer que a paixão não é loucura.........Grande beijo!

Felisberto Junior disse...

Olá!Boa tarde
Querida Severa,moça bela!
sim, passando lá...para ver o encontro!
Por ora, agradeço pelo carinho de sempre
Belo dia
Beijos

lenalima disse...

Olá Severa!
linda poesia, adorei!
nem me fale em tempo ..eu só caminho e ele voa, não se tem muito tempo!
adorei o encontro com a Chica , estive aí no ano passado Ah!! se eu sobesse...
adoro Jõao Pessoa.
bjss

Zizi Santos disse...

Severa
é linda sua poesia! o tempo tem seus mistérios!
vim através dos canteiros da Chica, conhecer a amiga tão querida.Foi lindo o encontro de vocês

bj
Zizi

Araan disse...

Olá, Severa
Bela poesia!
É verdade o tempo passa muito rápido e lá se foi Setembro
que outubro venha com muita Luz
Beijos com carinho...Araan.

Profª Lourdes disse...

severa, você é linda e irradia alegria, continue assim menina, seu brilho contagia neste mundo virtual. Bjuss

Sopa de Letrinhas da Leninha disse...

É setembro já demonstra que o ano já foi, tão rápido passa os meses... vim te visitar e deixar um beijo carinhoso querida.