folhas de outono

folhas de outono

sábado, 12 de fevereiro de 2011

TARDE TRISTE !



Hoje entristeci
quando vi o sol se indo.
A tarde se desfalecendo
em cores púrpura.
Por entre as folhas,
verdes dos coqueirás.
Lembrei-me de você,
que numa tarde igual a esta.
Sem deixar nada, se foi...

Antes sentia vontade de sorrir,
você colocava
nas minhas palavras
encantamento,fazia-me
acreditar no belo.
E quando o sol morria,
eu continuava a sorrir.
E hoje sem você existir.
Sem deixar nada,se foi...
(Severa Cabral)escritora

2 comentários:

Jorge disse...

Queria ser a pura alegria para ti agradar.
Mas não consigo deixar de falar em saudades.
Vil raposa que me segue sem parar.
E não é que já tentei olhar para o sol, para a lua e para as estrelas, olhei para a terra e por ultimo vislumbrei o mar.
E o que foi que vi estampado e refletindo bem pertinho dos meus olhos.
Ela.
As minhas saudades.
JC.
PS.
Bom dia minha casquinha de pitomba.
Risossssssssssssssssssssssssssssssssss.

Jorge disse...

Ficou triste esse texto mais ao seu geitinho.
Amei,mandei um convite para ti adicionar ao msn e nem veio resposta,olhe a intenção de ti adicionar, não e pegação não.
Queria fazer um cordel a quatro mãos.
Um dueto minha santinha da pitomba.
Se você não recebeu o convite, entonsse me adicione.
apegaua@yahoo.com.br
Beijos.
JC.